(11) 4249-2545 11 94797-6909

Saiba Como conviver com um Drogado

Saiba Como conviver com um Drogado

Conviver com uma pessoa consumida pela dependência alcoólica opu de um drogado é muito difícil, pois nunca se sabe o que pode acontecer quando ela está sob influência da bebida. Talvez ela fique agressiva, desapareça por alguns dias ou chegue em casa alcoolizada todas as noites.

Se você está ajudando alguém a superar o vício das drogas como a maconha,crack , heroína ou cocaína, procure deixá-lo longe de lugares que possam fomentar o seu vício. Bares, boates, festas ou qualquer ambiente propício ao consumo de bebidas devem ser evitados a todo custo.

Caso vá oferecer um almoço ou alguma comemoração em casa, não ofereça bebidas alcoólicas e avise aos convidados para não levarem — principalmente se for alguém da sua família que está passando pelo desafio de vencer a dependência química.

O alcoolismo e a drogadição são uma doença séria e, por isso, precisa de acompanhamento médico e psicológico. Mesmo que você esteja disposta a ajudar essa pessoa a superar o problema, não deve carregar esse fardo sozinho.

Incentive-a a procurar apoio especializado, seja por meio de tratamento psicológico, seja por meio de grupos de apoio. Se ela ficar com vergonha de procurar ajuda, ofereça-se para procurar um profissional especializado no assunto.

Embora ela tenha o desejo de se livrar da dependência em álcool, a falta dele acarreta desconfortos físicos como suor, náusea e tremor, além de causar ansiedade. Por isso, é comum que, durante o tratamento, haja recaídas constantes e o desejo de abandonar a terapia e voltar a utilizar a bebida.

Nessas horas, não adianta brigar, fazer um sermão, exigir que a pessoa “tome vergonha na cara” ou falar, o tempo todo, que ela precisa deixar o vício. Nada disso vai adiantar.

Você precisa entender que o alcoólico ou drogado não tem controle sobre o seu desejo de beber, pois o seu corpo e a sua mente já criaram dependência a substância, e brigar só vai deixá-lo irritado e dificultar o tratamento.

Existe hoje uma série de normas reguladoras dos serviços de atenção a dependência química, principalmente para o tratamento involuntário em clinica de recuperação. Alguns registros, principalmente o de estabelecimento de saúde, são imprescindíveis para esta modalidade de tratamento.

Estes registros trazem segurança e tranquilidade para a família evitando futuros aborrecimentos, segurança para o paciente, pois ele está sendo atendido e tratado por uma clínica regulamentada e fiscalizada, e segurança para a própria clínica por estar trabalhando dentro da legalidade.

Estamos aqui na Clínica de Recuperação SP prontos para te atender todos dias nos telefones do site e também via Chat Online e WhatsApp. Não deixe de nos procurar !!!